Bíblia Sagrada – Livro de Êxodo

A Bíblia Sagrada é o livro mais vendido de todos os tempos, pessoas no mundo inteiro tem um exemplar deste livro em suas casas.

A Bíblia muita usada pelo seguimento Evangélico, outrora chamado de protestantes contém 66 livros inseridos em um só.

A junção desses 66 livros forma a chamada constituição da fé. Os Cristãos buscam neste livro, as bases e diretrizes de se defender das situações ocorridas no mundo Espiritual.

Vamos entender um pouco como tudo começou. Havia cerca de quase 400 anos em que o povo estava no Egito, porém este período é incerto, por que?

Não existem relatos concretos de quantos anos exatamente, o povo ficou no Egito, isso por que os autores da Bíblia Sagrada seguem um cronograma Teológico e não um cronograma historiográfico.

Mas segundo estudos tudo leva a crer que o período de 400 anos vai desde a chamada de Abraão  até o momento em que Deus chama Moisés.

Chamada de Moisés

A participação de Moisés na vida do povo de Deus se tornou referência de liderança para pessoas até os dias de hoje.

Tudo começou quando o povo Hebreu habitava no Egito, a narrativa bíblica fala em como Deus usa de meios em que o homem não tem compreendimento para realizar a tua vontade, e nos mostra claramente que o Senhor é o único que recebe glória.

A razão do povo ser escravizado no Egito é algo que começa ainda no livro dos Gêneses. Deus preparava para a humanidade da época um período de muita escassez,

Deus Levanta José

Deus chama um jovem estrangeiro para realizar um ministério no Egito. Chamado pelo nome hebreu de José (filho de Israel) e que foi chamado pelo rei Faraó de Zafenate-Paneia.

José se tornou o maior governador do Egito, sendo a referência para todos os projetos do rei Faraó.

O período de José foi de muitas conquistas, porém não se achou escrito nos livros das Crônicas do faraó os feitos de José. Isso veio como consequência para as gerações futuras.

O povo hebreu se multiplicou dentro do Egito, e isso incomodou os reis que sucederam a geração do Governador Zafenate-Paneia.

O povo começou a ser escravizado dentro do Egito, isso foi algo desesperador, e trouce sofrimento para várias gerações.

Porém havia alguns que mantinham sua fé em Deus, e por ouvir este clamor Deus chamou a Moisés.

Livro de Êxodo

A história de Moisés começa como algo sobrenatural, O rei do Egito havia determinado que todos os filhos homens das mulheres hebreias fossem morto.

Mas uma mulher da tribo de Levi se casou com um homem da mesma tribo, teve um filho homem, o menino era bonito, e sua mãe o escondeu por 3 meses.

Vendo que não podia mais esconder o menino foi colocado num cesto e lançado no rio Nilo. Observado de longe pela irmã do garoto, o cesto foi encontrado pelas servas da princesa do Egito.

A irmã se aproximou da e perguntou se elas queriam que arrumasse uma mulher Hebreia para amamentar a criança.

Assim se fez, e a criança cresceu, No capítulo de número 3 em diante começa a chamada de Moisés, a partir dali Deus dar ordens para que ele execute o seu ministério.

Moisés havia fugido da presença do rei, e foi morar na terra de Midiã, na casa do sacerdote Jetro.

Moisés casou-se com uma das filhas de Jetro e teve dois Filhos, porém precisou partir para realizar a sua missão.

Só vai para missão quando Deus chama

A Bíblia relata que Moisés pastoreava ovelhas e teve uma visão de Deus numa chama de fogo no meio de uma Sarça.

Deus falou e concedeu poder a Moisés, já no Egito realizando a sua missão Moisés se depara, com a oposição do Faraó.

foram as varias tentativas mas o rei não cedeu 

Depois de várias tentativas para tirar o povo do Egito usando uma relação diplomática, o rei resolver endurecer o coração, e escraviza o povo mais ainda.

Deus revela que viram 10 pragas sobre o Egito devido a sua dureza com povo hebreu.

1ª praga

As águas se tornaram sangue, mas Deus endurece o coração do Rei para não liberta o povo.

2ª praga

A segunda praga foi a da rãs, Deus enviou rãs por toda terra do Egito, porém o faraó endureceu o coração e não deixou o povo embora.

Mais 7 pragas que endureceram o coração do rei.

  • “Piolhos”
  • “Moscas”
  • “Peste”
  • “Chagas”
  • “Saraiva”
  • “Gafanhotos”
  • “Trevas”

10ª E ultima praga

A última praga foi a que mais abalou o povo Egípcio, a morte de todos os primogênitos da época, fez com que o rei liberasse o povo.

Travessia do mar vermelho

A passagem pelo Mar Vermelho foi um importante passo na história de Israel. Para nós isto é significativo devido às lições espirituais que podem ser tiradas ao meditarmos neste evento.
Podemos primeiramente considerar que este incidente é freqüentemente mencionado nas Escrituras como um testemunho do poder de Deus e da incapacidade do homem de enfrentá-lo
A direção dada pelo Senhor colocou Israel em um aparente impasse. No fim da linha eles ficaram cercados pelos três lados, ou seja, pelas montanhas, pelo deserto e pelo mar. Certamente que a carne nunca teria escolhido este caminho.

Esta situação levou Faraó a pensar que seria uma boa oportunidade para capturar Israel. A direção tomada por eles provavelmente o levou a pensar que eles não estavam retornando.

Talvez a aparente tolice da direção tomada por Israel, fez com que ele pensasse que Deus os havia abandonado. Enquanto ele se recordava do tesouro perdido e da perda do trabalho escravo, seu coração se endureceu. Deus preparou a armadilha e Faraó engoliu a isca.

Quão cedo o rei se esqueceu do poder e do julgamento de Deus. Que tolice perseguir o povo de Deus quando o Egito já se encontrava em ruínas.

Que isto possa permanecer como um aviso a todos que por teimosia espiritual tentam a Deus a endurecê-los em seus próprios pecados, como uma forma de julgamento. Aqueles cujas vidas não dão testemunho da glória da graça de Deus, se tornarão monumentos da Sua espantosa ira e poder.

A fé de Moisés

Enquanto Moisés estava externamente confiante, por dentro ele clamava a Deus. Quando a ordem vem, Deus diz á Moisés que pare de orar e obedeça. Nós não precisamos orar a respeito da obediência quando a vontade de Deus já é conhecida.

O que parecia ser uma rua sem saída se tornou a estrada principal para a fé.

Muitos têm tropeçado sobre a grandeza deste milagre. Todos que tentaram encontrar uma explicação natural, falharam. Os filhos de Deus só podem dizer: “Há alguma coisa difícil para o Senhor?

A cada buscar que realizamos Deus tem sido a referência para prosseguirmos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *